Comercial

Embraer E195-E2 passa por teste antes de entrega à Porter Airlines

A Embraer concluiu teste para o E195-E2 na semana passada em Yellowknife e Iqaluit, no Canadá. O ambiente era ideal para medir o efeito do frio prolongado nas operações e sistemas da aeronave. O teste mede o impacto em mais de 200 itens. Após a “imersão”, a equipe de voo da Embraer voou a aeronave para verificar seu comportamento. Houve outra rodada de verificações pela equipe de terra após o pouso do E195-E2.

O E195-E2 já passou no teste cold soak durante sua certificação original anos atrás com a EASA e outros reguladores. Esse teste foi realizado dentro de um hangar que simulava condições de temperatura externa ultrabaixa. A Transport Canada, no entanto, exige que o E195-E2 seja testado em um ambiente natural, e não em um laboratório semelhante a um enorme refrigerador, antes que a primeira aeronave possa ser entregue à Porter Airlines no final deste ano.

Os E2s não são estranhos ao clima frio. A Embraer estabeleceu a Pioneer Airlines em 2017 para acelerar a certificação da nova família de E-Jets. A companhia aérea interna usou vários E2s que voaram em operações de companhias aéreas simuladas, incluindo alta frequência, horários de alto ciclo e voos em clima frio na América do Norte. Os resultados ajudaram a avançar na maturidade da aeronave para garantir alta confiabilidade na entrada em serviço.

Fonte: Embraer

Clique para comentar

Deixe um comentario

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

To Top