Aeroportos

Obras duplicam capacidade do Aeroporto de Montes Claros

O Governo Federal, por meio da Infraero, concluiu no fim de 2021 as obras de adequação da capacidade operacional e de modernização do terminal de passageiros do Aeroporto Regional de Montes Claros (MG). No total, foram aplicados mais de R$ R$ 11 milhões do Fnac (Fundo Nacional de Aviação Civil) nas melhorias. Agora, em vez de 800 mil passageiros por ano, a capacidade do terminal aéreo passa a ser para o atendimento de 1,5 milhão de viajantes anualmente.

Trata-se de obra estratégica para atender a demanda crescente da aviação no Norte de Minas Gerais, região com diversas universidades e importante polo industrial, mas que só conta com voos comerciais no aeródromo de Montes Claros. Ao longo de 2021, foram aplicados mais de R$ 460 milhões em melhorias na infraestrutura de outros 12 aeródromos pelo País e contratados R$ 6 bilhões da iniciativa privada – recursos que vão viabilizar a modernização de 22 aeroportos transferidos a novas concessionárias.

Cara nova

Conforme a Secretaria de Aviação Civil do MInfra (Ministério da Infraestrutura), a antiga edificação já não atendia a demanda de passageiros de Montes Claros e imediações, sobretudo o saguão público e a sala de embarque, devido às restrições físicas dos espaços.

A estrutura não comportava, por exemplo, a realização de embarque de dois voos simultâneos ou mais dentro dos padrões de aceitabilidade. Por isso, o terminal recebeu novas áreas de embarque e sala de desembarque, as quais sofreram reformulação no espaço de circulação dos viajantes e da disposição dos carrinhos de bagagem. Segundo a Infraero, as medidas asseguram hoje segurança operacional no terminal aéreo, além de mais tranquilidade e conforto a usuários e trabalhadores do local.

Clique para comentar

Deixe um comentario

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

To Top